linha marela

O ALFAIATE DE PALAVRAS

 

O espetáculo se passa na década de 50. Um velho alfaiate recebe, em sua casa, uma boneca falante. Seus questionamentos fazem com que o obtuso senhor reencontre motivos para sorrir. A encenação mistura linguagens como a manipulação de bonecos/objetos e o uso da sonoplastia no universo do rádio (década de 50) que “invade” o cotidiano dos personagens com suas radionovelas, reclames e jingles. A garotada se diverte descobrindo como eram transmitidas as radionovelas, vendo o elenco criar a sonoplastia, ao vivo.

 

linha marela
O_Alfaiate_de_palavras_Elenco_Foto_Marco_dos_Anjos.jpg

Sinopse:

 

Década de 50. Hildebrando vive sozinho.Sua única companhia é Astolfo, um rádio que parece sempre “transmitir” o que Hildebrando precisa ouvir. Até que o carteiro Oduvaldo, traz uma encomenda. Uma caixa grande com um presente: a boneca Teca.

A boneca falante tem uma importante missão: unir novamente a família e fazer o velho Hildebrando voltar a sorrir.

Hildebrando_e_Teca_O_Alfaiate_de_palavras_Foto_Marco_dos_Anjos.jpg
O_Alfaiate_de_palavras_Foto_Marco_dos_Anjos.jpg
O_Alfaiate_de_Palavras_Foto_Marco_dos_Anjos.jpg

 

Ficha Técnica:

 

Texto: Aline Marosa e Marcos dos Anjos

Direção: Marco dos Anjos

 

Com Fabrício Ligiero, Nina Pamplona, Júlia Bravo, Diogo Luccas, Muriel Vieira, Thayan Ribeiro e Lívia Bravo.

 

Direção Musical: Daniel Carneiro

Direção de Movimento: Marcio Vieira.

Músicas: Thayan Ribeiro

Confecção de Bonecos: Bruno Dante.

Criação de Próteses: Júlia Bravo.

Figurino e Visagismo: Leo Thurler

Adereços: Claudia Taylor e Tuca

Cenografia: Cachalote Mattos

Iluminação: Paulo Roberto Moreira

Designer gráfico: Guilherme Fernandes

 

cenário_O_Alfaiate_de_palavras_foto_Marco_dos_Anjos.jpg
email.png

contato@trupedoexperimento.com.br